Prefeitura Municipal de Curitiba 156 Acesso à informação
Corte eleitoral

Novo comando do TRE será empossado na próxima segunda-feira

O prefeito Rafael Greca recebeu na tarde desta terça-feira (29/1), no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), os desembargadores Gilberto Ferreira e Tito Campos de Paula, eleitos, respectivamente, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) e corregedor e vice-presidente da Corte Eleitoral paranaense. Curitiba, 29/01/2019 Foto: Daniel Castellano/SMCS

O prefeito Rafael Greca recebeu na tarde desta terça-feira (29/1), no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), os desembargadores Gilberto Ferreira e Tito Campos de Paula, eleitos, respectivamente, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) e corregedor e vice-presidente da Corte Eleitoral paranaense. No encontro foi entregue o convite ao prefeito para a solenidade de posse do novo comando do Tribunal a ser realizada na segunda-feira, 4 de fevereiro, no auditório do TRE-PR.

Eleito em dezembro do ano passado, o desembargador Gilberto Ferreira deixa o posto de vice-presidente e corregedor para assumir a presidência do Tribunal, sucedendo o desembargador Luiz Taro Oyama, que cumpriu o mandato de 1º/2/2018 a 31/1/2019. 

Bacharel em Direito pela Universidade Federal do Paraná, na turma de 1979, o novo presidente do TRE-PR ingressou na magistratura por meio de concurso público em 1984. Tomou posse no cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná no dia 3 de dezembro de 2013.

Foi idealizador da Central de Penas Alternativas de Curitiba (a primeira do Brasil), do projeto Sersocial e do programa de rádio Justiça para Todos, da Associação dos Magistrados do Paraná (Amapar), da qual também foi presidente. 

O desembargador Tito Campos de Paula, que atuava como desembargador substituto na Justiça Eleitoral do Paraná, é o novo corregedor e vice-presidente do TRE-PR. Formado em Direito pela Universidade Federal do Paraná em 1987, ingressou na carreira da magistratura em 1989. Em março de 2013, tomou posse como desembargador do Tribunal de Justiça.

A procuradora-geral no município, Vanessa Volpi, participou da reunião.