Ir para o conteúdo
Prefeitura Municipal de Curitiba Acessibilidade 156 Acesso à informação
Cinema

Regional do Bairro Novo leva cinema para 3 mil pessoas

Três mil moradores do Bairro Novo lotam a sala de cinema do projeto Cine Tela Brasil. Curitiba, 10/05/2006 Foto: Cesar Brustolin/SMCS

Ouça

0

1/1
<P align=left>Três mil moradores do Bairro Novo lotaram, durante três dias — de segunda (8) a quarta-feira (10) —,&nbsp;a sala de cinema do projeto Cine Tela Brasil para assistir gratuitamente o filme Tainá. O projeto tem o apoio da Fundação Cultural de Curitiba. A sala de projeção foi montada na Avenida Tijucas do Sul, próxima ao barracão onde funciona temporariamente a Unidade de Saúde 24h Sítio Cercado. Foram duas sessões à tarde e uma à noite, com o filme Filhos de Francisco.</P> <UL> <LI> <DIV align=left><A href="https://www.curitiba.pr.gov.br/Multimidia.aspx?n=4926&amp;t=a"><FONT color=#990000><STRONG>Áudio: </STRONG><STRONG>Luzia da Silva, gerente da FCC na Regional Bairro Novo</STRONG></FONT></A></DIV></LI></UL> <P align=left>Os meninos Paulo César de Oliveira, 10 anos, e Vitor Monteiro,8, assistiram Tainá duas vezes. "Nunca fui ao cinema e gostei muito", disse Paulo César. Os filmes desta quarta foram os últimos do projeto em Curitiba. Pablo, 8 anos, acompanhou a montagem da estrutura do cinema, no espaço cedido pela Prefeitura de Curitiba. Ficou no primeiro lugar na fila, aguardando o início do filme. "Assisti três vezes e não quero perder o último dia do cinema", disse. </P> <P align=left>Para a gerente do Núcleo da Fundação Cultural da Regional do Bairro Novo, Luzia da Silva, o projeto alcançou resultados positivos na comunidade, tanto com os adultos quanto com as crianças e adolescentes. "Ajudamos na infra-estrutura e convidamos as escolas municipais e creches da região para as sessões. As crianças com necessidades especiais também vieram e adoraram; foi uma experiência muito boa", disse Luzia.</P> <P align=left>O projeto Cine Tela Brasil percorrerá mais 18 cidades do Paraná, no período de seis meses, sempre exibindo filmes nacionais para a comunidade. O projeto, uma iniciativa da Rodonorte, leva o cinema o para espaços alternativos das cidades com o objetivo de democratizar o acesso à cultura. A infra-estrutura desmontável é equipada com ar condicionado, projeção cinemascope, som stereo surround e mais de 200 lugares.</P> <P align=left>"O objetivo deste projeto é ajudar nossa riquíssima produção cultural a chegar à periferia, onde vive a imensa maioria dos brasileiros", disse o presidente da Rodonorte, Silvio Rogério Marchioti. Em Curitiba, o projeto de cinema itinerante foi lançado no último dia 4, com um grupo de 250 alunos de 5ª e 8ª séries, da Escola Municipal Prefeito Omar Sabbag, no Cajuru.</P></FONT>