Prefeitura Municipal de Curitiba 156 Acesso à informação
Bicicleta

Próximo Circuito Ciclofaixa de Lazer no dia 27 de novembro

A Prefeitura lançou neste domingo o 1º Circuito Ciclofaixa de Lazer de Curitiba. O circuito de lazer, sinalizado por faixas vermelhas pintadas nas ruas que compõem o trajeto, tem 4 quilômetros de extensão. Curitiba, 23/10/2011 Foto:Cesar Brustolin/SMCS

Ouça

0

1/4

A população aprovou o 1º Circuito Ciclofaixa de Lazer de Curitiba, inaugurado neste domingo (23) num percurso de 4 km de sinalizados por faixas vermelhas pintadas nas ruas. Cerca de 4,5 mil ciclistas passearam pelo circuito até às 16h, e puderam transitar na faixa exclusiva com segurança e comodidade. O próximo Circuito Ciclofaixa de Lazer será no dia 27 de novembro.  Nesta etapa inicial, o Circuito Ciclofaixa de Lazer será um domingo por mês.

Os próximos passeios serão nos dias 27 de novembro; 18 de dezembro; 15 de janeiro; 12 de fevereiro; e 25 de março. No ano que vem, a ciclofaixa de lazer será ampliada até o Parque Barigui, num percurso de 14 km, e acontecerá todos os domingos. 

“Essa é uma iniciativa que a cidade precisava e que está sendo muito bem realizada pela Prefeitura. Agora é torcer para a população aderir a Ciclofaixa e começar a utilizar com mais frequência a bicicleta”, disse Igor Rocha, de 26 anos, que acordou cedo para estrear o novo circuito.

O percurso da Ciclofaixa de Lazer saiu das esquinas da XV de Novembro com a rua Mariano Torres e passou pela própria XV, Marechal Deodoro; Emiliano Perneta;  Visconde de Nácar; André de Barros e Mariano Torres, roteiro que destaca cenários históricos e culturais de Curitiba.

O estudante Rafael Teixeira, de 16 anos, destacou o cuidado com a implantação do circuito. “O percurso está muito bem sinalizado, garantindo um passeio agradável e seguro aos ciclistas”. 

“Fico feliz em ver que Curitiba está dando mais atenção para os ciclistas”, disse o estudante Renan Sakata Cardoso, de 16 anos e que já competiu por Curitiba nas provas de ciclismo nos Jogos da Juventude do Paraná. “Gostei muito da Ciclofaixa e de todo o cuidado para educar ciclistas, motoristas e pedestres para conviverem em harmonia no trânsito. Esta primeira etapa irá garantir a segurança de todos quando começarem a ampliação do circuito”.

 “Achei a Ciclofaixa um ótimo programa para se fazer com amigos e com a família. Oferece segurança, um percurso acessível para todos e é uma atividade saudável e muito divertida”, disse a analista administrativa Fabíola Beller, de 31 anos.

As ações de suporte ao uso de bicicletas não se limitam ao centro. Em novembro começam as obras da ciclofaixa na Marechal Floriano, assim como serão continuados os trabalhos de ampliação da malha cicloviária que já é uma das maiores do Brasil. 

Ciclovias – Estudo recente divulgado pelo portal Mobilize Brasil aponta as cidades do Rio de Janeiro e Curitiba como as capitais brasileiras com melhor mobilidade urbana. Não é por acaso que as duas cidades estão no topo do ranking nacional quanto se considera o tamanho da malha cicloviária.

Curitiba, a pioneira no Brasil na implantação de ciclovias, tem cerca de 120 quilômetros de vias exclusivas para bicicletas. O Rio de Janeiro tem 240 quilômetros de ciclovias que se estendem pela orla da cidade. Porto Alegre, cidade do porte de Curitiba, tem 8 km de ciclovias.

Em Curitiba, a prefeitura está investindo na ampliação das ciclovias. São seis vias em obras que representam 22,4 quilômetros de ciclovias a mais na cidade. A malha está sendo ampliada seguindo o Plano Diretor Cicloviário elaborado pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) que orienta os projetos de urbanização e revitalização de ruas com infraestrutura cicloviária.

Estímulo – Além da ampliação da rede de ciclovias e da implantação da ciclofaixa de lazer, a Prefeitura de Curitiba oferece programas de estímulo ao uso da bicicleta.

Entre as principais ações se destacam o programa Pedala Curitiba, que oferece passeios ciclísticos toda terça-feira à noite com percursos diferentes, que variam de 12 a 20 km, e o Circuito SMELJ de Ciclismo, que foi ampliado em 2011 e passou a contar com etapas no Velódromo de Curitiba, aberto para todas as idades, e nas Regionais Administrativas, com foco maior na criança e adolescente, buscando despertar o interesse pelo ciclismo desde cedo junto aos curitibanos.

A Prefeitura também promove o Passeio Ciclístico em Comemoração ao Aniversário da Cidade, que neste ano contou com a participação de 5 mil pessoas, que pedalaram do Mercadorama da Avenida Silva Jardim até o parque Barigui para a grande festa em comemoração aos 318 anos da cidade. Em dezembro acontecerá o Passeio Ciclístico de Natal.