Ir para o conteúdo
Prefeitura Municipal de Curitiba Acessibilidade 156 Acesso à informação
Novas oportunidades

Parcerias garantem cursos profissionalizantes gratuitos para a população

Prefeito Rafael Greca, assina acordos de cooperação com a Acoma e a Electrolux, para a realização de cursos profissionalizantes para a população em situação de vulnerabilidade social. Curitiba, 31/07/2019. Foto: Pedro Ribas/SMCS

A administração municipal assinou, nesta quarta-feira (31/7), acordos de cooperação com a Associação de Lojistas de Materiais de Construção de Curitiba (Acomac) e a empresa Electrolux para a realização de cursos profissionalizantes gratuitos para a população em situação de vulnerabilidade social. As parcerias garantirão a oferta de 380 novas vagas por ano.

No mesmo evento, o prefeito Rafael Greca, assinou o termo de doação do veículo usado pelo município para o serviço do Sine Móvel, que percorre toda a cidade para oferta de serviços como intermediação de mão de obra e emissão de carteira de trabalho. 

A van Fiat Ducato estava cedida ao município desde agosto de 2013, por meio de convênio para cessão de uso com o Ministério da Economia. Desde 2017, mais de 5 mil atendimentos foram feitos na unidade móvel.

“É com alegria que nós agradecemos ao Ministério da Economia pela doação dessa unidade do Sine Móvel, que vai permitir que nossa Fundação de Ação Social vá além de Ruas da Cidadania e dos Liceus de Ofícios, mas que também abranja as vilas e os bairros, que é onde o povo está”, disse o prefeito, ao lado da primeira-dama, Margarita Sansone.

Profissionalização

A parceria com a Associação de Lojistas de Materiais de Construção de Curitiba (Acomac) garantirá a oferta do curso para qualificação profissional na área de vendas de materiais de construção. No primeiro ano serão ofertadas aproximadamente 80 vagas e as aulas serão realizadas nos Liceus de Ofícios.  

A FAS e a Acomac já desenvolveram, este ano, um projeto-piloto do curso, que formou 21 pessoas, três delas empregadas na área.

O acordo com a Electrolux, que já é parceira da Prefeitura, garantirá a ampliação do curso de Manutenção de Eletrodoméstico.

O curso que já é ofertado no Liceu de Ofícios Casa Klemtz, será realizado também no Liceu de Ofícios Bairro Alto. Foi oficializada ainda a realização do projeto Gastronomia Sustentável, que forma auxiliares de cozinha e é direcionado para o público atendido pela FAS desde 2017.

Serão 300 vagas distribuídas nos cursos de Reparação de Microondas e Reparação de Eletrodomésticos da Linha Branca, além do de Auxiliar de Cozinha.

Oportunidade

Para o prefeito, a assinatura dos dois termos de cooperação são motivo de alegria por unir duas pontas, a capacitação e a necessidade dos empregos no mercado de trabalho.

“Parabenizo a FAS, os empresários, voluntários e instrutores dos cursos pela grande ideia de sermos mais fortes do que as dificuldades”, disse o prefeito.

Greca lembrou que só em 2018, a FAS formou 7.329 pessoas em cursos profissionalizantes e que outros 3.290 foram certificados este ano.

Entre os formandos está Dulcinéia Vieria, 57 anos, que concluiu o curso Gastronomia Sustentável, em julho. Durante a cerimônia ela agradeceu a oportunidade de fazer a capacitação.

“Este curso foi a minha cura, o meu resgate, aprendi técnicas da gastronomia, mas também aprendi a ser mais tolerante”, disse Dulcinéia. 

Ela é graduada em História e tem duas pós-graduações, e estava desempregada há mais de seis meses quando precisou procurar apoio da (FAS). Hoje Dulcinéia faz cupcakes de abacaxi para se manter.

O presidente da Electrolux, Ricardo Cons, destacou que Curitiba foi a primeira cidade a receber o Gastronomia Sustentável, projeto que até o fim deste ano estará em 11 cidades nos cinco continentes. “Este é um dos projetos que mostra o propósito da Electrolux, que é o de transformar a vida das pessoas e da sociedade”, disse.

Presenças

Estiveram presentes ao evento, o vice-prefeito, Eduardo Pimentel, o presidente da FAS, Thiago Ferro, o presidente da Acomac, Rafael Gipiela, os vereadores Pier Petruzziello e Julieta Reis, o superintendente regional do Trabalho no Paraná, Paulo Alberto Kroneis, o superintendente da FAS Trabalho, Fabiano Vilaruel, o administrador da Regional Matriz, Dirceu de Mattos, e servidores da FAS.