Ir para o conteúdo
Prefeitura Municipal de Curitiba Acessibilidade 156 Acesso à informação
Inovação

Ippuc investe em tecnologia BIM para aprimorar projetos do setor público

O Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) está investindo na tecnologia BIM (Building Information Modelling) para aprimorar os projetos urbanos e atender à legislação federal que determina a aplicação desta tecnologia na estruturação dos projetos no setor público. Foto: Divulgação

O Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) está investindo na tecnologia BIM (Building Information Modelling) para aprimorar o trabalho e atender à legislação federal que determina a aplicação desta tecnologia na estruturação dos projetos no setor público. A atualização dos processos está prevista no decreto federal 9.377/2018, que institui a Estratégia Nacional de Disseminação do Building Information Modelling (BIM).

O BIM é um sistema integrado de informações de projetos, execução, monitoramento, fiscalização e manutenção de obras. Pelo processo colaborativo e de alta tecnologia do BIM é possível gerar modelos digitais com altos níveis de detalhamento, garantindo a qualidade dos projetos e obras, economia e agilidade nos processos.

Neste primeiro momento, o investimento em BIM pela Prefeitura é de R$ 511 mil dentro do Programa BID Pró-Cidades, financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e contrapartida do município. Os recursos foram aplicados em equipamentos, softwares e no treinamento do corpo técnico de engenheiros e arquitetos da municipalidade para utilizar a plataforma.

No Ippuc, a organização deste processo é de responsabilidade das supervisões de Implantação e Informações. “Estamos iniciando a capacitação da segunda turma de técnicos e trabalhando em cooperação com o governo do Estado, pioneiro no uso da tecnologia BIM”, explica o supervisor de Implantação, Sérgio Matheus Rizzardo.

Segundo ele, na Prefeitura a plataforma BIM deverá ser estendida também às secretarias municipais de Obras Públicas, do Urbanismo e do Meio Ambiente para possibilitar a integração dos processos de orçamentos, obras e projetos municipais.

Nesta semana, como parte da cooperação com o Estado, as arquitetas Lorreine dos Santos Vaccari, Lucimara Ferreira de Lima e Marina Quirino Luxi de Paula, do Departamento de Gestão de Projetos e Obras da Secretaria de Estado Infraestrutura e Logística do Paraná, apresentaram ao corpo técnico do Ippuc exemplos da aplicação do BIM pelo governo.

O Building Information Modelling, ou plataforma de Modelagem da Informação da Construção, já é amplamente utilizado pela administração estadual, em especial na área de edificações. De acordo com o supervisor de Implantação do Ippuc, em parceria com a Prefeitura o Estado deverá ampliar o uso da tecnologia também para projetos viários. “Os projetos em convênio entre o município e o Estado, como as transposições na Linha Verde, entre outras, já serão desenvolvidos pela plataforma”, prevê Sérgio Matheus.