Ir para o conteúdo
Prefeitura Municipal de Curitiba Acessibilidade 156 Acesso à informação
Homenagem

Fonoaudióloga comemora aposentadoria ao lado das irmãs

A servidora Cristiane Narciso de Souza Bettega (ao centro) com as irmãs Fernanda e Elisabete, que vieram prestigiar a cerimônia de aposentadoria no IPMC. Curitiba, 08/11/2019. Foto: Levy Ferreira/SMCS

 

Vinte e sete anos depois de ingressar no quadro da Prefeitura de Curitiba, a fonoaudióloga Cristiane Narciso de Souza Bettega comemorou, na tarde desta sexta-feira (8/11), a aposentadoria. Ela participou da cerimônia preparada pela equipe do Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Curitiba (IPMC) aos novos aposentados.

Cerca de 60 servidores estiveram nas duas cerimônias nesta sexta-feira (8/11), na sede do Instituto, no Alto da Glória.

“Foram 32 anos de trabalho ao todo. Quando você gosta do que faz, não vê o tempo passar”, disse Cristiane, que trabalhou nas secretarias da Educação e da Saúde. Para celebrar o momento da aposentadoria, ela estava acompanhada das irmãs Fernanda, que mora em Paranavaí, e Elisabete. “Elas chegaram aqui hoje antes de mim”, contou.

O que o aposentado precisa saber

Segundo Cristiane, a reunião foi importante para esclarecer alguns aspectos da aposentadoria. “Muitas coisas da previdência eu não sabia”, declarou.

Para ela e aos demais participantes, o gerente de relacionamento do IPMC, Aldiney Fernando da Silva, destacou aspectos do contracheque rescisório, o último emitido pela Secretaria de Administração e de Gestão de Pessoal.

“Ele terá o acerto dos dias trabalhados, diferenças de férias e o 13° salário. Tudo será feito com base na proporcionalidade, considerando a data da sua aposentadoria. O primeiro contracheque de aposentado também será proporcional aos dias de aposentado”, declarou.

Silva ressaltou que as dúvidas do contracheque rescisório podem ser esclarecidas no Núcleo de Gestão de Pessoal da secretaria onde o servidor trabalhava. O atendimento do IPMC pode orientar sobre o contracheque do aposentado. No primeiro mês, o aposentado recebe os dois contracheques.

Ele abordou ainda questões relacionadas à declaração do imposto de renda e ao recolhimento do IPMC para os que tiverem aposentadoria superior ao teto do regime geral, que é de R$ 5.839,45. “Apenas sobre o valor acima do teto haverá desconto do IPMC. Neste ano o percentual é de 12%”, disse.

Ele enfatizou que se algum servidor tiver alguma doença grave, poderá abrir processo no IPMC para solicitar isenção do desconto, conforme prevê a legislação. Ela é concedida pela perícia médica.

Os participantes também puderam esclarecer dúvidas.

Servidores e seus valores

Um dos momentos especiais da cerimônia foi conduzido pelo diretor da Previdência do IPMC, Hélio José Pizzatto. Ele falou ao grupo sobre algumas qualidades de Curitiba, como a consciência da população para a separação do lixo, a educação das pessoas, a limpeza da cidade.

“Essa cultura e esse comportamento se formam com o tempo, funcionam com o exemplo. É nesse sentido que eu vejo a participação de cada um de vocês, servidores. No relacionamento com a comunidade, vocês transmitiram valores. A cidade que temos hoje é resultado da sua contribuição ao longo do tempo”, disse o direto ao agradecer aos servidores aposentados.

Pizzatto conversou também sobre a importância de cada um buscar novas motivações na sua rotina, cuidar da saúde, praticar alguma atividade física.

A assistente social Danieli Kiefer conversou com o grupo sobre o programa Vida Nova, do IPMC, que promove atividades sociais, culturais e educativas diversificadas para a melhoria da qualidade de vida. O programa é voltado exclusivamente aos aposentados e aos pensionistas da Prefeitura de Curitiba. Os telefones de contato do programa são: 3350-8321 ou 3350-3698.

O e-mail é vidanova@ipmc.curitiba.pr.gov.br.

Cada um dos aposentados recebeu o seu certificado de reconhecimento público e a cópia do portaria de concessão de aposentadoria.