Registrar
Lei de Acesso à Informação
Prefeitura Municipal de Curitiba
Secretaria Municipal do

Meio Ambiente

Parques e Bosques

 

Jardim Botânico

Francisca Maria Garfunkel Rischbieter
(Integrante da Rede Brasileira de Jardins Botânicos)

 

Clique aqui para ver o croqui

Jardim Botânico

O Jardim Botânico de Curitiba, inaugurado em 5 de outubro de 1991, é uma área protegida, constituída por coleções de plantas vivas, cientificamente reconhecidas, organizadas e identificadas, com a finalidade de estudo, pesquisa e documentação do patrimônio florístico do País, em especial da flora paranaense.

O uso de suas dependências é regulamentado pelo Decreto Municipal 170/2015. Contribui na preservação e conservação da natureza, para a educação ambiental, na formação de espaços representativos da flora brasileira e ainda oferece uma alternativa de lazer para a população.

O nome oficial é uma homenagem à urbanista Francisca Maria Garfunkel Rischbieter, uma das pioneiras no trabalho de planejamento urbano de Curitiba.

Dos seus 178 mil metros quadrados, mais de 40% de sua área total corresponde a um Bosque de Preservação Permanente, conforme a Lei Municipal nº 62 de 1986, com nascentes formadoras dos lagos.

Com 458 metros quadrados, a estufa de ferro e vidro, inspirada no Palácio de Cristal de Londres, abriga em seu interior, exemplares vegetais característicos das regiões tropicais. Emoldura a estufa um imenso jardim em estilo francês com seus canteiros geométricos. Também fazem parte da paisagem chafarizes e a escultura intitulada "Amor Materno" do artista João Zaco.

Uma das atrações do Jardim Botânico é o Jardim das Sensações inaugurado em 2008 e tem por objetivo despertar no visitante, sem o uso da visão, os sentidos do olfato e do tato, através do contato direto com as mais de 60 espécies vegetais disponibilizadas no local.

O Jardim Botânico Municipal tem um grande potencial  no processo de educar através de experiências diretas com o mundo natural. Neste espaço tão especial, são ofertadas atividades de Educação Ambiental, principalmente para alunos de todas as redes de ensino, voltadas a preservação ambiental. O Salão de Exposições com auditório, é um espaço disponível para a divulgação dos mais diversos trabalhos artísticos e científicos, estes correlacionados ao meio ambiente. 

  • Área: 178.000 m2
  • Localização: Av. Professor Lothario Meissner x Rua Engenheiro Ostoja Roguski
  • Bairro: Jardim Botânico
  • Ano de Implantação: 1991
  • Acesso: Gratuito
  • Fauna: Gambá, tatu, caxinguelê, preá, cutia, pequenos mamíferos, sapo, perereca, rã, bem-te-vi, João-de-barro, ananaí, sabiá-laranjeira, sabiá-cavaleiro, sanhaço, pomba asa-branca, chupim e gralha-picaça.
  • Flora: Araucária, imbuia, cedro, aroeira, pimenteira, pitangueira, bromélias e orquídeas.
  • Equipamentos: Estufa, Museu Botânico Municipal/Herbário, bistrô, jardim em estilo francês, Jardim das Sensações, lagos, fontes, pista de caminhada, sanitários públicos, loja, Centro de Atendimento ao Turista (CAT) e estacionamentos.

 

Horário de funcionamento:

Do Jardim Botânico:
De segunda-feira a domingo.
- verão: das 6h às 20h.
- inverno: 6h às 19h30 

Do Jardim das Sensações:
De terça-feira a sexta-feira, das 9h às 17h (podendo ser interrompida a visitação em caso de chuva ou condições climáticas adversas).

Contatos: 
 


Ônibus:

  • Expresso Centenário/ Campo Comprido
  • Pinhais/Rui Barbosa
  • Cabral/Portão
  • Linha Turismo

Voltar

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484