Registrar
Acesso à informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Secretaria da Mulher

Secretaria integra campanha contra o tráfico de pessoas

30/01/2014 10:23:00

A Arquidiocese de Curitiba e a Secretaria da Mulher convidaram, na tarde desta quarta-feira (29), a Superintendência da Polícia Federal no Paraná a participar de um ciclo de palestras no mês de março, em quatro regionais da cidade, para orientar e prevenir a população a respeito do tráfico de pessoas e da violência contra a mulher.

A secretária da Mulher de Curitiba, Roseli Isidoro, e a assistente social da Cúria Metropolitana, Roberta Lourenço, entregaram ao superintendente regional da Polícia Federal no Paraná, delegado Rosalvo Ferreira Franco, um convite para que a instituição indique um profissional para proferir palestra nesses encontros. Elas foram recebidas também pelo delegado executivo, José Washington Luiz Santos, e pelos delegados das áreas de combate ao crime organizado, Igor Romário de Paula, e migração, Renato Lima, que aceitaram o convite para uma ação conjunta.

As palestras integram o calendário de atividades da Campanha da Fraternidade 2014 e a programação da Prefeitura Municipal de Curitiba relativa ao mês da mulher. Os encontros regionais acontecerão no Pinheirinho, Cajuru, CIC e no Bairro Novo. O Instituto Municipal de Turismo e a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) também participarão desses trabalhos. A ideia é promover ainda uma campanha de sensibilização junto aos trabalhadores do aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, em função do aumento na circulação de pessoas nos aeroportos por conta da Copa do Mundo.

O subsídio popular da CNBB e outros materiais informativos serão distribuídos à população com os números dos telefones dos serviços de disque-denúncia de violação dos direitos humanos, exploração sexual de crianças e adolescentes (disque 100) e da central de atendimento à mulher do governo federal (Ligue 180), bem como dos canais para denúncia desses crimes junto à Polícia Federal.

Tráfico de Pessoas

A Organização das Nações Unidas (ONU) estima que a cada ano 3 milhões de pessoas sejam vítimas do tráfico internacional de pessoas, uma atividade criminosa que movimenta aproximadamente 30 bilhões de dólares no mesmo período e que vitima, na maioria das vezes, mulheres e crianças para fins de exploração sexual. Por esse motivo, a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) definiu o tráfico de pessoas como tema de reflexão e mobilização em todas as paróquias e comunidades da igreja católica no País durante a Campanha da Fraternidade de 2014, que inicia após o feriado do Carnaval.

Em Curitiba, as 140 paróquias católicas, na área de abrangência de onze municípios da região metropolitana que integram a Arquidiocese de Curitiba, vão promover em parceria com a Secretaria Municipal da Mulher e o Instituto de Turismo quatro debates sobre o tema em regionais da cidade durante o mês de março. 

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484