Registrar
Acesso à informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Pró-Cidades

Missão do BID avalia programa desenvolvido em Curitiba

17/10/2018 09:28:00

Uma missão do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) está em Curitiba nesta semana para a avaliação final do Programa Integrado de Desenvolvimento Social e Urbano, o Pró-Cidades. Iniciado em 2009, o chamado BID III recebeu investimentos que ultrapassam os US$ 100 milhões em obras de revitalização das Avenidas Fredolin Wolf e Manoel Ribas, a construção de moradias nos bairros Pilarzinho, Cajuru, Parolin, Uberaba e Cachoeira e a urbanização de ocupações e a recuperação de áreas de risco no Jardim Acrópole e Vila Nori.

O especialista em Habitação e Desenvolvimento Urbano do BID, Jason Anthony Hobbs, explicou que o trabalho consiste na verificação do cumprimento dos contratos. “A prestação de contas final do programa acontece em julho de 2019, com as obras terminando nos primeiros meses do ano que vem. O objetivo desta missão é acompanhar se o que estava previsto está sendo corretamente executado. Curitiba tem um ótimo histórico no cumprimento das metas”, ressalta.

Na tarde desta terça-feira (16), os representantes do BID visitaram obras de habitação no Cajuru – o Moradias Alamanda, com 75 sobrados e o Moradias Acrópole, com 99 casas e sobrados. A consultora responsável pela avaliação final do programa, Júlia Ambros, afirmou que teve uma boa impressão da execução dos contratos. “São obras que impactam diretamente na qualidade de vida das pessoas. Faremos outras visitas e reuniões de avaliação, mas a primeira impressão é muito boa”, destacou.

A missão do banco ficará na cidade até sexta-feira (19) em reuniões com gestores dos projetos e, visitas técnicas às obras. Estão na pauta os projetos de reassentamento de famílias e recuperação ambiental de áreas degradadas, em especial da Vila Nori, no Pilarzinho, em fase final pelo município.

Qualidade de vida

De acordo com o coordenador geral da Unidade Técnico Administrativa de Gerenciamento do Programa de Desenvolvimento Social e Urbano de Curitiba (UTAG), Paulo Roberto Socher, o Pró-Cidades está sendo cumprido dentro do cronograma. “As obras já entregues têm reflexo direto na melhoria da qualidade de vida da população e na estruturação urbana de importantes regiões da cidade. Somente na reurbanização de áreas de risco, cerca de 4,3 mil famílias foram atendidas”, disse.

Vinculada ao Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), a UTAG é a gerenciadora do programa junto ao BID, com a missão de garantir o cumprimento das exigências sociais e ambientais e coordenar as ações do município.

Programa

Em Curitiba, o BID Pró-Cidades financiou 19 obras desde o início do programa, em 2009. Dos US$ 100 milhões investidos, mais da metade são de contrapartida do município. Com recursos do BID foram financiadas as obras das avenidas Fredolin Wolf e Manoel Ribas, o Binário Chile-Guabirotuba, a Trincheira da Gustavo Rattman, revitalização das ruas Eduardo Pinto da Rocha e Desembargador Antônio de Paula, construção do Moradias Maringá (199 unidades), Moradias Alamanda (74 unidades), Rua da Cidadania do Cajuru, Clube da Gente de Santa Felicidade, Clube da Gente Boa Vista, e urbanização e recuperação ambiental das vilas Acrópole e Nori.

Como contrapartida, a Prefeitura de Curitiba executou as obras nas vilas Parolin, Menino Jesus, Três Pinheiros e Audi União, além da construção do Moradias Profetas (54 unidades. Ao todo o programa benefeciou com obras de urbanização e reassentamento mais de 4,5 mil famílias.

 

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484