Registrar
Acesso à informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Trânsito

Coordenação de Mobilidade Urbana da Setran tem novo comando

04/02/2015 10:50:00

Criada em 2013 para articular ações de mobilidade no trânsito de Curitiba e incentivar a utilização de diferentes modais de transporte na cidade, a Coordenação de Mobilidade Urbana da Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) tem novo coordenador: o arquiteto e servidor de carreira da secretaria Gustavo Garrett, que terá a assessoria de Jorge Brand, o Goura, reconhecido cicloativista de Curitiba.

"A Coordenação de Mobilidade Urbana vem contribuindo para mudar a tendência de motorização da cidade, que se voltou para outros modais, como a bicicleta, e passou a pensar mais no pedestre. Ela tem por objetivo maior integrar os cidadãos aos espaços públicos, como praças e vias para pedestres, trazendo mais harmonia para a cidade", afirma a secretária municipal de Trânsito, Luiza Simonelli.

Garrett e Goura darão continuidade e atualizarão os projetos já desenvolvidos pela coordenação. Também irão propor novas ações com foco nas áreas de planejamento, fiscalização, orientação e capacitação de pedestres e ciclistas. “Vamos unir esforços com o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc) para colocar em prática o plano de transformar a rede cicloviária antiga da cidade, mais voltada ao lazer, em uma nova rede focada principalmente no modal de transporte. Para isso, é necessário implantar ciclorrotas, ciclofaixas e ciclovias mais acessíveis à população. Também teremos mais orientações educativas e capacitações para que pedestres e ciclistas tenham o comportamento correto no trânsito”, destaca Garret.

Goura lembra que há ainda muita resistência na sociedade ao caminhar e ao andar de bicicleta, algo característico de uma cultura centrada há anos no veículo motorizado. “A ideia é ajudar no avanço da ciclomobilidade de Curitiba, um compromisso assumido pelo prefeito Gustavo Fruet. É uma questão e uma tendência mundial e Curitiba não pode ficar fora disso. Mas a transformação não acontece da noite para o dia. O ciclista também é um agente do trânsito e precisa saber se comportar nas ruas, respeitar o pedestre, que também deve seguir corretamente a sinalização de trânsito”, afirma.

Planejamento

Para melhorar a acessibilidade na cidade, a Coordenação de Mobilidade Urbana, em conjunto com a Coordenadoria de Obras de Curitiba (COC), Ippuc e Secretaria Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência, irá intensificar o planejamento das interferências na cidade, como a colocação de postes e superpostes da rede elétrica, além de verificar a sinalização vertical da cidade. Também será feita a verificação de compatibilidade das calçadas estreitas de algumas ruas com o fluxo de pedestres existente.

“Em conjunto com o Ippuc, estamos desenvolvendo um mapa de necessidades de implantação de bicicletários e paraciclos na cidade. A bicicleta está sendo incluída no planejamento de Curitiba, tanto dentro dos imóveis comercias como nos novos sistemas viários projetados na cidade, que já são desenvolvidos com ciclovias, ciclorrotas ou ciclofaixas, bicicletários e paraciclos”, diz Garret.

A Coordenação de Mobilidade Urbana vai contribuir para a criação, em breve, de um espaço no site da Prefeitura (www.curitiba.pr.gov.br) com informações agregadas de ciclomobilidade, como legislação, mapas de ciclovias, pesquisas do Ippuc, bicicletarias, grupo de pedaladas e dicas gerais. “Será uma forma de nos aproximarmos e de colaborar com o usuário de bicicleta. Queremos uma cidade mais amiga do ciclista”, diz Goura.

 

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484