Registrar
Acesso à informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Vale do Pinhão

Calçadão da XV de Novembro é a segunda rua interativa de Curitiba. Conecte-se

19/12/2018 09:18:00

O calçadão da Rua XV de Novembro recebe, diariamente, cerca de 100 mil pessoas em busca do comércio e serviços oferecidos ao longo da via que é o “coração” do Centro de Curitiba. A partir de agora, moradores da capital e turistas têm mais uma boa razão para circular pela rua exclusivamente de pedestres: o famoso calçadão agora é a segunda rua interativa de Curitiba.

A ativação de novas tecnologias que permitem à Rua XV de Novembro “conversar” com quem passa pelo local ocorreu, na terça-feira (18/12), e teve a presença da presidente da Agência Curitiba de Inovação, Cris Alessi; da presidente do Instituto Municipal de Turismo, Tatiana Turra; e do presidente da Associação Comercial do Paraná (ACP), Gláucio Geara.

No mês passado, a Alameda Prudente de Moraes, no Centro, também passou a adotar soluções da chamada “Internet das Coisas”, uma rede inteligente, com sensores e conexões, capaz de coletar e transmitir dados para os smartphones dos usuários que passam por determinado local.

A tecnologia interativa do calçadão da Rua XV de Novembro é resultado de uma parceria da Prefeitura de Curitiba e da ACP com a startup curitibana MCities, especializada em comunicação urbana e responsável pela implantação da rede inteligente. “Estamos usando a tecnologia para transformar a vivência curitibana e incentivar que as pessoas saiam de casa e utilizem os espaços públicos da cidade”, afirma Paulo Hansted, fundador e CEO da MCities.

Duas soluções para promover a “conversa” da via com as pessoas estão sendo instaladas em sete quadras da XV de Novembro, entre a Rua Presidente Farias e o início da Praça Osório.  Fachadas e colunas de prédios do calçadão da Rua XV estão recebendo painéis com QR Code, que oferecem informações sobre a rua e eventos, passeios e experiências por toda a cidade.

Além disso, minúsculos dispositivos com tecnologia de localização - denominados beacons – transmitem para os smartphones, via Bluetooth, informações sobre serviços e comércio existentes no local. Tudo ocorre automaticamente. Ao todo, o calçadão do Centro está recebendo 13 placas de QR Code e cinco beacons.

LEIA TAMBÉM

 

Os painéis de QR Code ganharam três cores diferentes (azul, vermelho e verde) e cada uma delas convida o usuário do calçadão da Rua XV a viver experiências distintas. O procedimento de leitura é simples: basta direcionar a câmera do smartphone para o código de leitura do QR Code e, a partir daí, acessar pelo celular o conteúdo digital da MCities.

Ao se deparar com a placa azul, a pessoa pode conhecer curiosidades da Rua XV, como a história do calçadão, de suas galerias, do característico piso petit-pavé, de prédios como o Palácio Avenida e até daquela que é considerada a menor avenida do mundo, a Avenida Luiz Xavier, além de entender como funciona uma rua interativa.

Centro Histórico

Para quem gosta de explorar a história da cidade, as placas vermelhas de QR Code inspiram moradores e turistas a fazer um passeio inusitado pelo bairro vizinho, o nostálgico São Francisco, que integra o Centro Histórico.

O percurso, de 1,5 quilômetro, liga o bebedouro do Largo da Ordem ao Cemitério Municipal, mostrando inúmeras curiosidades e as belas atrações da região, como o Palácio Garibaldi, o Relógio das Flores, o Solar do Rosário, o Memorial de Curitiba, as várias igrejas (da Ordem e do Rosário, por exemplo) e até o gigantesco painel renovado de Poty Lazzarotto na Travessa Nestor de Castro.

Já a placa de QR Code verde mostra as experiências de entretenimento e consumo no próprio calçadão da Rua XV de Novembro. Até o começo de janeiro, por exemplo, será possível conferir a programação natalina na região, como a árvore de Natal “viva” de 11 metros com cinco mil vasos de sálvias vermelhas. O usuário poderá conhecer as ofertas de presentes natalinos e as promoções do comércio local.

Bluetooth

Além das placas, foram instalados também os beacons. Os pequenos dispositivos usam a tecnologia Bluetooth para interagir com as pessoas, mandando informações ao usuário sobre o calçadão da Rua XV de Novembro. Todos os conteúdos e experiências remetem ao sistema de inteligência da MCities, que produz as informações relacionadas à cidade.

Os QR Codes e os beacons serão atualizados periodicamente para garantir que o “diálogo” entre a cidade, moradores e visitantes seja sempre renovado.

Para o presidente da ACP, Gláucio Geara, a adoção de tecnologias que tornam o calçadão da Rua XV interativo deverá inspirar as pessoas a descobrir ou redescobrir a região central, bem como ajudar o comércio e serviços do local a gerar emprego e renda. “Ficamos muito honrados com a parceria porque essa tecnologia vai ajudar a divulgar também a história da Rua XV de Novembro”, salienta ele.

Geara também prevê que a nova tecnologia deverá atrair mais moradores e turistas para o Centro. “As pessoas deverão aproveitar mais o calçadão, saber das programações e das lojas. Essa interatividade deverá motivá-las a saírem de casa e visitarem a rua, fomentando o varejo”, reforça o presidente da entidade, que estava acompanhado de Eduardo Aichinger, coordenador do Instituto ACP de Inovação.

Vale do Pinhão

Cris Alessi, presidente da Agência Curitiba, afirma que a adoção de tecnologias interativas no calçadão da Rua XV de Novembro e na Alameda Prudente de Moraes coloca Curitiba, mais uma vez, na vanguarda de adoção de soluções inovadoras de cidades inteligentes. Além disso, observa ela, as iniciativas reforçam a importância do Vale do Pinhão, o movimento da Prefeitura e do ecossistema (universidades, empresas e parceiros) para incentivar ainda mais o ambiente da inovação da cidade.

“Desde o início da gestão do prefeito Rafael Greca, Curitiba tem apoiado empreendedores que buscam criar soluções agregando o uso de tecnologias atuais e de fácil acesso pelo cidadão. As soluções criadas pela MCities seguem este conceito, sendo aplicadas na divulgação de informações relacionadas a serviços, permitindo que as pessoas participem de forma ativa e colaborativa nas ações realizadas na cidade”, salienta a presidente da Agência Curitiba, órgão ligado a Prefeitura e responsável pela política de inovação da cidade.

Turismo

A presidente do Instituto Municipal de Turismo, Tatiana Turra, acredita que a interatividade proporcionada pela tecnologia adotada na Rua XV de Novembro deverá ser um atrativo a mais para quem viaja à capital. “As pessoas estão cada vez mais conectadas e, através do smartphone, o turista poderá ter acesso a informações de serviço, lazer e sobre os roteiros da cidade disponibilizados pela MCities”, frisa ela.

Tatiana também espera que a interatividade ajude a aumentar o movimento do comércio e serviços do Centro. “Através das informações oferecidas, os turistas poderão conhecer os espaços gastronômicos tanto do Centro como do São Francisco, bem como ter informações sobre hospedagem, varejo e transporte”, completa a presidente do Instituto Municipal de Turismo.

Aplicativo

A MCities também lançou, na terça-feira (18/12), seu aplicativo para smartphone. O app oferece todo o conteúdo disponível na plataforma da empresa e algumas novidades. Quem acessar o aplicativo poderá receber notificações com experiências diversas do que se pode fazer na rua e em outras partes da cidade, selfies com filtros especiais de Curitiba e ainda uma divertida solução de realidade aumentada para que as pessoas possam interagir com personagens da cidade. O app já está disponível para smartphones com sistema Android e, a partir do dia 28 de dezembro, para iOS.

Um dos diferenciais da página e do aplicativo da MCities é o sistema de filtros que organiza a cidade em dez diferentes experiências: Tá tendo, Sabor Curitiba, Descubra Curitiba, Mais com Menos, Na Ativa, Na Torcida, Em Família, Rotas, Onde Ficar, Cidade Pet e Network.

É possível acessar ainda oito filtros de perfil para o usuário: Casal Baladeiro, Casal Clássico, Casal Descolado, Casal Preguiçoso, Família com Pet, Solteiro Baladeiro e Solteiro Preguiçoso. Todos esses filtros facilitam que o usuário tome decisões rápidas e amplie sua zona de interferência na cidade.

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484