Registrar
Lei de Acesso à Informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Atendimento direto

Greca dá expediente no 156 e chama população a usar mais o serviço

18/05/2017 17:05:00

“Bom dia. Aqui é o prefeito Rafael Greca. Hoje eu estou trabalhando aqui no 156. Em que posso te ajudar?”

A cena foi repetida por cerca de 40 minutos nesta quinta-feira (18/5) na central de atendimento telefônico que recebe, responde e encaminha serviços e informações solicitados pela população.

O prefeito atendeu seis ligações durante seu expediente no local. Dois atendimentos foram sobre cartão transporte; um foi para arrumar iluminação em um poste; um de reclamação de tapa-buraco; um para resgate social; e uma pessoa queria saber o número de telefone do INSS.

Ao final dos atendimentos, o prefeito reforçou a importância de a população acessar o serviço de forma permanente e contínua. “O olho do povo é muito bom para averiguarmos os serviços prestados”, disse Greca. “Não deixem de entrar em contato com o 156, nós queremos servir”, conclamou.

Os canais são o telefone e a internet.

O prefeito deverá introduzir essa função na sua rotina de trabalho, como uma forma de colher diretamente as demandas e a avaliação dos moradores, além de estimular mais o uso do serviço.

Atendimento
Surpreso ao ser atendido pelo prefeito, um diretor de teatro que ligou para pedir um atendimento do resgate social em frente à sua escola, acabou convidando o prefeito para conhecer seu projeto de teatro musical, que, segundo disse, desenvolve trabalho pioneiro há dois anos em Curitiba.

Ele acionou o 156 para solicitar atendimento a uma pessoa em situação de rua que estava perto da escola. O prefeito encaminhou o pedido para que o resgate social da Prefeitura se deslocasse ao local.

Sobre a reclamação de um morador do Parque Industrial, que considerou de má qualidade o tapa-buraco feito na rua dele nesta quinta-feira, o prefeito explicou que o serviço não pode ser executado em dias de chuva, mas reforçou que vai averiguar melhor o que aconteceu.

Normalmente, o serviço de tapa-buraco precisa ser interrompido por força da chuva, sendo retomado pelas equipes de manutenção assim que o tempo melhore e o trabalho possa ser feito de forma adequada.

De qualquer forma, Greca aproveitou para colher impressões do morador também sobre a distribuição de remédios na região dele, já que o cidadão também falou sobre o atendimento de saúde no bairro.

Central
Em abril, a Central 156 realizou 89.187 atendimentos.

Há dois tipos: pedidos de informação e solicitações de serviços. O primeiro normalmente é respondido diretamente pelos atendentes (como foi o caso de Greca ao informar o telefone do INSS).

Já as solicitações de serviços – como recolhimento de entulho, denúncias, tapa-buraco etc – são encaminhadas para as secretarias e órgãos responsáveis. Esse foram os casos dos pedidos sobre iluminação e de resgate social que o prefeito atendeu.

A estrutura da Prefeitura conta com cerca de 850 Responsáveis pelo Serviço no Órgão (RSOs). São eles que recebem as informações do 156, encaminham os serviços na estrutura do departamento e dão resposta sobre o que foi ou não realizado.

Essa sistemática permite que o município saiba quais são as maiores demandas da população e em que região elas ocorrem.  

O número de pessoas que trabalham no atendimento direto à população é de 86. Elas se revezam em turnos de manhã, tarde e noite (incluindo a madrugada).

 

Serviço:
A central 156 atende pelo telefone 156 e pelo site www.central 156.org.br, 24 horas, sete dias por semana. 

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484