O MAIOR JARDIM DE ESCULTURAS DO BRASIL

Cultura e sustentabilidade reunidos no maior jardim de esculturas do Brasil Valorização da arte, da natureza e da história estão sempre presentes nas iniciativas urbanísticas de Curitiba. E no Jardim das Esculturas isso não é diferente. Uma área de 6 mil m², dentro do Parque São Lourenço, revitalizada com elementos de paisagismo, da arquitetura Paranista e fontes de água, reúne 15 obras em proporções heroicas, reproduzidas em bronze, do artista paranaense João Turin. O destaque maior vai para a Obra Marumbi, com seus 3 metros de altura e aproximadamente 700 kg. No mesmo espaço, os visitantes ainda podem conhecer as reproduções das fachadas da Casa Paranista e do Ateliê do João Turin.

JOÃO TURIN E O PARANISMO

João Turin

Nos anos 1920, se intensificou entre alguns artistas e intelectuais paranaenses o firme propósito de criação e exaltação de elementos que identificassem o Paraná, movimento que ficou conhecido como Paranismo. Para a formação desta identidade, contribuíram os escritos do historiador e político, Romário Martins, e seus temas enaltecendo a história e as lendas paranaenses. Deram forma aos escritos de Romário Martins, os artistas Zaco Paraná, Lange de Morretes, João Ghelfi e, sobretudo, o escultor João Turin que mergulhou na flora e na fauna regional para dela subtrair os elementos que caracterizassem um estilo paranaense. Juntamente com o indígena e seu cotidiano integrado à natureza, o pinheiro, a pinha, o pinhão e os felinos se destacaram nas representações paranistas. “...Somos um povo novo, em formação e devemos cantar coisas nossas, do nosso povo, da nossa história, dos nossos costumes, da nossa natureza...” (João Turin)

EXPOSIÇÕES

ESPAÇOS

ATELIER DE ESCULTURAS E FUNDIÇÃO

ATELIER DE ESCULTURAS E FUNDIÇÃO

Com o objetivo de estimular a criação, constitui-se como um centro de pesquisa e de desenvolvimento da arte escultural. Com característica singular o atelier é composto por fundição e forno para queima de cerâmicas, além de maquinário adequado para manuseio das obras em processo de criação. Se trata de um espaço que potencializará as atividades no campo da arte escultural na cidade de Curitiba.

Liceu das Artes

LICEU DAS ARTES

Trata-se de um laboratório de criação, com ateliê e cursos das mais variadas modalidades artísticas. O local compreenderá uma programação artística pedagógica composta por cursos livres, cursos de formação e master-classes. O liceu responderá também pelo projeto de ação educativa que integrará o programa Linhas do Conhecimento.

Memorial Castellano

TEATRO CLEON JACQUES

Com capacidade para até 100 espectadores o Teatro Cleon Jacques é um espaço cênico para apresentações de espetáculos e realização de temporadas abertas ao público. Sua programação é composta por produções teatrais e na área de dança. Com característica contemporânea o espaço é destinado principalmente aos espetáculos de vanguarda. Inaugurado em 21 de julho de 1998, foi criado para receber espetáculos que não se enquadram no formato clássico de palco italiano e presta uma homenagem ao ator e diretor de teatro radicado em Curitiba, falecido em 1997. Cleon Jacques foi personalidade de destaque na cena cultural da cidade nas décadas de 1980 e 1990.

Loja Curitiba sua Linda

LOJA CURITIBA SUA LINDA

#CuritibaSuaLinda é o jeito carinhoso que os curitibanos se referem à cidade e que dá nome à rede de seis lojas localizadas em nossos atrativos turísticos. Mais que souvenires e lembranças da cidade, as lojas #CuritibaSuaLinda oferecem nossa identidade e cultura, a arte e o design em peças criadas com exclusividade por grandes artistas locais. A loja presente no Memorial Paranista é a sexta da rede e conta com uma linha exclusiva de produtos inspirados no paranismo e na obra de João Turin, com suas onças, rosáceas, pinhas e pinhões.

Setor Educativo

SETOR EDUCATIVO

Criando uma conexão entre o emocional e o intelectual, o Setor Educativo do Memorial Paranista visa traçar um paralelo entre arte e educação de uma forma fluida e diversa com o público. Para tanto, o método educativo da mediação cultural é utilizado como instrumento para o diálogo, contribuindo para o exercício da diversidade, a construção e difusão do conhecimento. O Setor Educativo aprofunda e promove a democratização da cultura e do bem público. Não deixe de solicitar sua visita guiada na recepção.