Ir para o conteúdo
Prefeitura Municipal de Curitiba Acessibilidade Curitiba-Ouve 156 Acesso à informação
Visita ao gabinete

Programa Linhas do Conhecimento leva crianças para conhecerem a sede da Prefeitura

Estudantes de cinco escolas municipais estiveram no Palácio 29 de Março, a sede da Prefeitura.Greca deixou as crianças à vontade em seu gabinete. “É aqui que eu trabalho, gurias e piás. o primeiro na cadeira vira prefeito da cidade”, desafiou. Curitiba, 06/06/2017 Foto: Valdecir Galor/SMCS

Nesta terça-feira (6/6), 150 estudantes de cinco escolas municipais estiveram no Palácio 29 de Março, a sede da Prefeitura. A atividade começou com um passeio pelo Centro Cívico, bairro fica o prédio da administração municipal. Em seguida, as crianças foram recebidas pelo prefeito Rafael Greca e ganharam réplicas de papelão de ônibus urbanos para montar.

Greca deixou as crianças à vontade em seu gabinete. “É aqui que eu trabalho, gurias e piás. E quem chegar primeiro na cadeira vira prefeito da cidade”, desafiou. O estudante Matheus Junckes Canuto, da Escola Papa João XXIII, venceu o desafio e se esparramou sobre o móvel. “É muito importante que eles saibam que a cidade é deles”, disse Greca.

A atividade integra o programa Linhas do Conhecimento. As crianças participaram do concurso Notícias do Bairro da Escola, para elaboração coletiva de textos sobre os espaços da cidade. Representantes dos estudantes da Escola Sidônio Muralha, da CIC, entregaram ao prefeito o texto que escreveram sobre o Parque dos Tropeiros. Além dessa unidade e da Papa João XXIII, havia alunos das escolas Maria Marli Piovesan, Curitiba Ano 300 e Oswaldo Cruz. A secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila, acompanhou a visita.

Duas duplas de jornalistas mirins das escolas Curitiba Ano 300 e Sidônio Muralha, que participam do projeto Extra, Extra!, entrevistaram o prefeito. Pedro Henrique Ribeiro de Oliveira e Daniel dos Santos de Proença, do CEI Ano 300, perguntaram a Greca se a cidade continua acolhedora com os estrangeiros, já que os índios tiveram essa postura com os colonizadores europeus. Greca respondeu que Curitiba continuará fazendo isso "do mesmo modo que estamos acolhendo os haitianos.” Também citou o exemplo do avô que veio da Itália e trabalhou como pedreiro na obra da estrada de ferro Curitiba-Paranaguá.

Pedido atendido

Por sugestão da dupla de estudantes, o prefeito determinou que seja avaliada e, se necessário, recuperada, a passarela da Rua João Ramalho, no Atuba, perto de onde eles moram e estudam. “Gostei muito da sugestão de vocês. É inteligente recuperar o que está estragado. Isso é ser cidadão”, disse Greca.

Nesta quarta-feira (7/6), Greca recepcionará os estudantes das escolas Leonor Castellano, Dom Manuel, Santa Ana Mestra, Rejane Sachette e Lina Moreira.