Ir para o conteúdo
Prefeitura Municipal de Curitiba Acessibilidade 156 Acesso à informação
Regional Cajuru

Linha do Uberaba tem tarifa reduzida a partir desta quarta-feira

Linha do Uberaba tem tarifa reduzida a partir desta quarta-feira. Foto: Luiz Costa/SMCS

A linha de ônibus 461-Santa Bárbara  é uma das seis linhas do sistema de transporte coletivo de Curitiba terão tarifa reduzida fora dos horários de pico a partir desta quarta-feira (16/10).
A tarifa reduzida, de R$ 3,50 – R$ 1 mais barata que a normal – vale para os horários de 9h às 11h e das 14h às 16h e pagamento exclusivo com o cartão-transporte usuário. 
Diariamente, são atendidos pela linha 461-Santa Bárbara uma média de 686 passageiros, no percurso que tem 32 paradas partindo da Rua Prof. Paulo D'Assumpçao, no Uberaba, passa pelo Jardim das Américas, Jardim Botânico e tem ponto final na Praça Rui Barbosa, no Centro. 

Mais cinco linhas

Além da 461-Santa Bárbara, passam a operar com a tarifa reduzida as linhas 212- Solar, 213 – São João, 214 – Tingui, 265 – Ahú-Los Angeles, e 965 – São Bernardo. Ao todo, essas linhas atendem 18 mil passageiros por dia.
Todas elas cruzam muitos bairros, têm um bom volume de passageiros e uma diferença acentuada entre o número de usuários no horário de pico e fora dele.

Implantação gradual

O objetivo da Prefeitura de Curitiba é implantar gradativamente a tarifa reduzida em mais linhas de ônibus. Ao todo 17 linhas devem oferecer o benefício ao passageiro.

“Todas estas linhas têm queda média de 21% a 27% nos horários entre picos, enquanto a queda média do sistema total é de 18%”, diz o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto.

A tarifa reduzida é possível graças à aprovação do projeto de lei que flexibiliza a tarifa do transporte coletivo de Curitiba. Trata-se de uma experiência, para ver se a cobrança diferenciada não afeta o equilíbrio financeiro do sistema.

Vantagens

Segundo o presidente da Urbs, a flexibilização deve trazer também a diminuição da demanda nos horários de pico, o que pode gerar mais conforto para os usuários.
Haverá impacto positivo na gestão operacional da frota, com melhor distribuição do uso dos veículos ao longo do dia, diminuindo a ociosidade do sistema.