Ir para o conteúdo
Prefeitura Municipal de Curitiba Acessibilidade Curitiba-Ouve 156 Acesso à informação
Atendimento ao cidadão

Central 156 registra demanda recorde em maio

Central 156 registra demanda recorde em maio. Foto: Cesar Brustolin/SMCS

 

A Central 156 de Atendimento ao Cidadão fechou o mês de maio com recorde em solicitações pelo aplicativo mobile e também em ligações telefônicas. Foram feitos no mês passado 377,7 mil atendimentos gerados pelo App Curitiba 156, o maior volume deste ano. O recorde anterior de demandas via smartphones havia ocorrido em fevereiro, com 338,5 mil registros.

Mesmo em tempo de pandemia, a avaliação dos serviços municipais apresentou alta no período.

“O índice de satisfação da Prefeitura de Curitiba teve aumento e fechou em 85,25%, sendo 1,66% superior a abril de 2021 e 0,55% superior a maio de 2020”, destacou o coordenador da Central, Flávio dos Santos.

Segundo o coordenador do 156, em tempos fora de pandemia, normalmente o mês de maio apresenta retração de demandas na central. “Pelo fato de maio ter ficado praticamente todo em bandeira laranja houve mais registros de denúncias relacionadas ao descumprimento de medidas de prevenção à pandemia e de outras demandas pontuais”, observou Santos.

Curitiba 156

Em maio, os acessos via aplicativo representaram 73,72% do total de contatos à central, seguidos das ligações telefônicas, com 24,05%; chat, 1,65%; e portal de internet, 0,58%. No mês, foram registrados 426.189 pedidos por informações de todos os tipos e 43.291 solicitações por serviços de diversas naturezas.

No mês passado, o telefone 156 recebeu 123,2 mil ligações, o segundo maior volume deste ano atrás somente de março, quando 144,9 mil pessoas haviam ligado à Central. Os atendimentos telefônicos em maio de 2021 foram 4,58% superiores aos do mês anterior (abril). Se comparado ao volume registrado em maio de 2020 (87.824) a demanda telefônica foi 40,35% superior.

Os demais canais digitais de atendimento, Portal 156 e Chat, também apresentaram alta em maio, comparativamente ao mês anterior, de 8,03% e 9,62%, respectivamente.

Informações e serviços

Na lista do ranking de demandas por informações aparecem horário de ônibus, com 198,9 mil registros (46,69%); itinerário de ônibus, com 139,9 mil (32,84%); saldo de cartão transporte, com 24,3 mil (5,72%); dúvidas sobre coronavírus, com 16,1 mil (3,79%) e campanha de vacinação geral, com 7 mil (1,66%). Demandas por outras informações somaram 39,6 mil (9,30%).

No que diz respeito aos pedidos por serviços, a coleta de resíduos vegetais figurou no topo da lista no mês de maio, com 11 mil registros (25,43%), seguida por assuntos relacionados ao coronavírus, com 4 mil (9,35%); iluminação pública , com 3,7 mil (8,74%); trânsito, com 3,5 mil (8,19%) e abordagem social de rua, com 3 mil solicitações (7,11%). Outros pedidos somaram 17,8 mil (41,18%).