Registrar
Lei de Acesso à Informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Obras

Prefeito Rafael Greca autoriza início das obras do Restaurante Popular do Capanema

06/09/2017 17:52:00

O prefeito Rafael Greca, ao lado da primeira-dama Margarita Sansone, assinou nesta quarta-feira (6/9) a autorização para o início das obras de construção do Restaurante Popular do Capanema. A solenidade foi feita embaixo do viaduto do Capanema. A previsão é que a obra seja entregue até o final de dezembro. Os investimentos de R$ 1,3 milhão serão uma medida mitigatória de um empreendimento na cidade do consórcio ETM.

Com a recuperação do espaço, a Prefeitura devolve à cidade aquele que foi o primeiro restaurante popular do Brasil e Curitiba passará a contar com cinco restaurantes populares. “A região do Capanema vai voltar a ter o seu restaurante popular. O lugar onde se armava uma triste cracolândia, com um acampamento de abandonados, foi removido e agora a empresa ETM em três meses vai colocar aqui de novo o sonho da Margarita e meu, o Restaurante Popular do Capanema”, disse o prefeito Rafael Greca.

Projetada pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), a unidade localizada sob o viaduto do Capanema, próximo à Rodoferroviária, terá capacidade para servir 500 refeições por dia. A praça de alimentação será equipada com mesas e cadeiras retráteis, lavatórios e banheiros, com áreas de circulação independentes do setor onde serão manipulados os alimentos.

“Aqui vai voltar a existir um endereço importante de resgate social, embaixo das arcadas que suportam o belo viaduto. Agradeço a Câmara de Vereadores que permitiu a recuperação de Curitiba e celebro este novo momento do Capanema e do restaurante popular”, definiu Rafael Greca.

Projeto

Para atender às normas da Vigilância Sanitária, no Restaurante Popular do Capanema os alimentos chegarão prontos para ser servidos. Não haverá cozinha, mas um espaço para a inspeção dos alimentos por um nutricionista.

O fluxo de entrada e saída das pessoas foi pensado de forma a possibilitar que o restaurante funcione dentro de uma lógica na qual seja possível que cidadão tenha acesso aos lavatórios na chegada, siga ao buffet para fazer a escolha do alimento, acesse as mesas e, na saída, deposite o prato para que seja higienizado e devolvido limpo ao próximo cliente.

Na parte externa ao restaurante, de frente para a Avenida Affonso Camargo, há espaço reservado para a Fundação de Ação Social (FAS) que deverá funcionar como um receptivo para o cadastro de pessoas em situação de vulnerabilidade que terão prioridade no atendimento. Na área oposta, de quem desce pela rua Ubaldino do Amaral, estará o posto da Guarda Municipal que funcionará 24 horas por dia.

Pioneirismo

Inaugurado em novembro de 1993, durante a primeira gestão do prefeito Rafael Greca, o Restaurante Popular do Viaduto do Capanema conquistou o Brasil pela proposta pioneira de oferecer refeições de qualidade, na época, a R$ 1. A construção foi fechada no começo de 2000. De lá para cá, o imóvel estava sendo usado como abrigo para pessoas em situação de risco e usuários de drogas.

Prioridade

Uma das prioridades definidas já no início da gestão, o projeto do restaurante foi apresentado ao prefeito em 23 de fevereiro, em reunião no Ippuc.  O projeto tem a coordenação do arquiteto Mauro Magnabosco, do setor de Projetos Especiais do Ippuc. “O espaço foi desenhado para ser eficiente e oferecer conforto à população no momento das refeições”, explicou Magnabosco.

Segundo o secretário municipal do Abastecimento, Luiz Gusi, o padrão dos alimentos será o mesmo do que é servido na rede de restaurantes populares de Curitiba coordenados pela SMAB com alimentação balanceada, de qualidade e preparada por nutricionistas. “O restaurante do Capanema retorna para atender a uma solicitação da população do entorno e, ao mesmo tempo, garantir o direito ao acesso universal à alimentação”, disse Gusi.

Também participaram do evento o presidente da Câmara, vereador Serginho do Posto, o vice-prefeito e secretário de Obras Públicas, Eduardo Pimentel, os secretários de Governo, Luiz Fernando Jamur, do Meio Ambiente, Marilza do Carmo Oliveira Dias, o presidente do Ippuc, Reginaldo Reinert, o presidente interino da Urbs, Celso Bernardo, a administradora regional da Matriz, Guacira Camargo, o diretor-geral da Guarda Municipal, Odgar Nunes Cardoso e o diretor da empresa ETM, Leandro Carlos Ribas.

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484