Registrar
Lei de Acesso à Informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Cidadania

Greca recebe ministra e diz estar atento às questões de direitos humanos

20/03/2017 19:14:00

O prefeito Rafael Greca, acompanhado da primeira-dama Margarita Sansone, recebeu a ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois, nesta segunda-feira (20/03), na Prefeitura. Luislinda foi a primeira desembargadora negra e primeira juíza negra do Brasil, além de proferir a primeira sentença contra o racismo no Brasil, em 1993.

A ministra está visitando municípios do Paraná desde o dia 18, acompanhando os trabalhos desenvolvidos em parceria com o ministério e conhecendo iniciativas. No encontro, o prefeito presenteou Luislinda com seu livro Curitiba, Luz dos Pinhais. A ministra agradeceu a receptividade e as iniciativas em prol da igualdade racial, em meio a uma recessão. “Estamos lutando, os recursos são poucos, eu não peço nada pra levar pra casa, peço para levar para o povo”, ressaltou a ministra.

A primeira-dama falou sobre projetos pioneiros em acolhida social que surgiram em Curitiba, como a Pousada de Maria, a primeira casa que recebia mulheres vítimas da violência e que foi inspiradora, posteriormente, para a Casa da Mulher Brasileira. Ela reiterou total apoio a projetos e às iniciativas deste setor. “Quero que a senhora saiba que estamos atentos às questões dos direitos humanos e igualdade racial. É nosso entendimento que a cidade, para ter paz, tem que ser justa.”, disse Greca.

Sobre a Casa da Mulher Brasileira, Greca ressaltou a importância do projeto e a vontade de fazer mais com a estrutura disponível. “Eu quero que a Casa da Mulher Brasileira realmente funcione, que a delegacia vá pra lá, que aconteça”, ressaltou Greca.

Participaram do encontro com a ministra o vice-prefeito, Eduardo Pimentel, e o assessor especial para Juventude, do Governo do Estado, Edson Lau.

Coordenadores

Após a recepção no gabinete, a ministra se reuniu com os coordenadores de Políticas para Mulher, Terezinha Beraldo Pereira Ramos; a coordenadora da Casa da Mulher Brasileira, Sandra Prado; a coordenadora de Pessoas com Deficiência, Denise Maria Amaral de Oliveira Moraes; o coordenador de Igualdade Racial, Adegmar José da Silva (Candieiro);  a coordenadora de Direitos Humanos, Alzeli Basseti; o coordenador da Diversidade Sexual, Allan Johan; e a gestora nas Regionais de Políticas para Mulheres, Goretti Bussolo. Acompanharam a reunião o vereador Aziel Pereira e os assessores Rlick Santos, Camila e Mirtis Matsuura, do Ministério dos Direitos Humanos.

Em 2009, a ministra lançou o livro O Negro no Século XXI e, em breve, pretende lançar outro livro sobre o tema. Sabendo do lançamento em breve, o prefeito fez o convite oficial para que ela lance o livro no Memorial de Curitiba, que está de portas abertas para a cultura, história e diversidade.     

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484