Registrar
Lei de Acesso à Informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Copa 2014

Em dias de jogos, ônibus irão transportar usuário de cadeira de rodas até a Arena

23/05/2014 10:39:00

Torcedores usuários de cadeira de rodas ou com dificuldade de locomoção vão contar com transporte especial em dias de jogos da Copa do Mundo em Curitiba. Seis ônibus adaptados para transportar com conforto e segurança até dez pessoas com cadeira de rodas vão fazer o transporte de torcedores do estacionamento da PUCPR até o estádio.

São três ônibus com capacidade para cinco usuários de cadeira de rodas e três com capacidade para dez usuários com cadeira de rodas. Os ônibus são da frota regular do Sistema Integrado de Transporte do Ensino Especial (Sites) que atende, por dia, 2.500 alunos de 36 escolas especiais. Nos dias de jogos, não haverá aula nas escolas atendidas pelo Sites.

A linha especial PUCPR será gratuita e no sistema leva e traz, sem paradas intermediárias entre o ponto de saída, no campus da PUC no bairro Prado Velho, até o estádio, no Água Verde. Outras duas linhas, nesse caso com ônibus articulados e convencionais, também vão transportar torcedores gratuitamente, no mesmo sistema, entre os estacionamentos UniCuritiba1 e UniCuritiba2. Os estacionamentos nos campi da PUC e da UniCuritiba são espaços destinados a torcedores que compraram ingresso com estacionamento e a indicados pela FIFA, como jornalistas, técnicos, etc.

A linha Unicuritiba1 terá oito ônibus articulados que vão trafegar em faixa exclusiva com frequência aproximada de quatro minutos nos horários de maior movimento e operação especial na saída do estádio, podendo ter a saída de um ônibus por minuto. A linha Unicuritiba2 terá cinco ônibus do tipo comum, também em faixa exclusiva, com frequência aproximada de 5 minutos, podendo chegar a um ônibus a cada 2 minutos no horário de saída do estádio.

Acessibilidade

O índice de acessibilidade no transporte coletivo de Curitiba chega a 93% da frota, o mais alto do país segundo ranking do portal Mobilize. Adesivos com a figura que identifica veículos com acessibilidade estão colados nas laterais, na frente e atrás do veículo, facilitando sua identificação. O ícone indicativo de acessibilidade também aparece no letreiro luminoso do ônibus, ao lado do nome e número da linha.

Os ônibus acessíveis têm espaço para usuários de cadeira de rodas e acompanhante, embarque e desembarque em nível – o que é feito em plataformas nas estações e terminais - no caso dos biarticulados e ligeirinhos - ou por plataformas elevatórias que erguem ou baixam o usuário de cadeira de rodas, deixando-o no nível do ônibus ou da calçada, sem necessidade de utilizar as escadas.

O acesso aos ônibus pelas estações-tubo também conta com um elevado índice de acessibilidade. Quase 90% das 359 estações contam com elevadores ou rampas de acesso.

A frota de ônibus de Curitiba também tem 20% dos assentos reservados a idosos, gestantes e pessoas com deficiência. Este índice é o dobro do determinado pela legislação brasileira que prevê a reserva de 10% dos bancos dos ônibus.

Pessoas com deficiência visual encontram, em 800 dos 1.940 ônibus da Rede Integrada de Transporte, plaquetas com o número do veículo em braile, afixadas nos bancos preferenciais, com acesso facilitado pelas barras de apoio em relevo. Em caso de necessidade – um acidente ou uma reclamação, por exemplo, a pessoa com deficiência visual terá como saber em que ônibus de sua linha ele se encontra.

Na Copa

O transporte coletivo terá uma programação especial para os dias de jogos da Copa do Mundo em Curitiba, com capacidade para transportar até 27 mil pessoas por hora até o estádio, que tem capacidade para 42,2 mil torcedores. Haverá reforço nas linhas do sistema Expresso (BRT) e criação de cinco linhas especiais que só vão circular nos dias dos jogos.

Além das três linhas especiais que farão a ligação do estádio com os estacionamentos oficiais (PUCPR, UniCuritiba 1 e UniCuritiba2), também vai circular, nos dias de jogos, com transporte gratuito, a linha Circular Copa, também gratuita e que funcionará nos moldes do Circular Centro, fazendo a ligação da área central com o estádio.

Outra linha especial, nesse caso com pagamento de tarifa (R$ 2,70) será a Aeroporto/Terminal Boqueirão. Essa linha não terá paradas intermediárias e vai levar o torcedor do Aeroporto até o Terminal Boqueirão, onde ele estará dentro da Rede Integrada de Transporte, com uma série de opções de deslocamento em direção ao centro e ao estádio. Entre essas opções estão os biarticulados vermelhos, do Expresso Boqueirão; e os biarticulados na cor azul, do Ligeirão Boqueirão. Nos dias de jogos o Ligeirão Boqueirão vai parar também na estação Getúlio Vargas que fica a cerca de mil metros do estádio.

Apesar dos bloqueios, os biarticulados vão trafegar normalmente pelas canaletas. Já as linhas convencionais que passam no entorno serão desviadas para ruas paralelas. As linhas que passam pela Avenida Iguaçu, por exemplo, serão desviadas para a Visconde de Guarapuava; e as linhas que trafegam pela Avenida Getúlio Vargas serão desviadas para a Avenida Silva Jardim. Haverá reforço nas que passam em ruas e avenidas do entorno.

A operação especial do transporte coletivo também prevê o atendimento ao público da Fan Fest, com a criação de uma linha especial  – Pedreira/Praça Tiradentes e Rui Barbosa. Por ali também passam outras 11 linhas convencionais e metropolitanas, além do Interbairros II, que é circular e terá reforço tanto no sentido horário quanto anti-horário.

 

 

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484