Registrar
Lei de Acesso à Informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Lei de zoneamento

Debates continuam em novembro na Câmara de Vereadores

04/10/2017 15:52:00
principal
  • miniatura

Os debates sobre a Lei de Zoneamento, Uso e Ocupação do Solo seguirão no mês de novembro com duas audiências públicas a serem realizadas pela Comissão de Urbanismo da Câmara Municipal em conjunto com a equipe técnica do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), que trabalha na revisão da legislação.

“Devemos receber no próximo mês a proposta de Lei de Zoneamento e fazer duas audiências públicas em novembro além de outras cinco oficinas temáticas já no início do ano que vem. A ideia é que possamos, com calma, até março ou abril, ou até quando tivermos participação popular e demandas técnicas para resolver fazer a aprovação para que isso possa ser conduzido da melhor forma”, afirmou o presidente da Comissão de Urbanismo, Obras Públicas e Tecnologias da Informação da Câmara Municipal de Curitiba, vereador Hélio Wirbiski.

Segundo Wirbiski, na cidade muitos querem construir, outros querem preservar, outros querem que não cresça, outros que se verticalize e outros que adense. “A única forma de chegar a um consenso, e a nossa função é representar o bem comum, é ouvindo todos. Buscamos errar menos”, disse.

Sem pressa

Na opinião do parlamentar, não há motivos para apressar a votação da lei. “Não temos que atender de forma açodada a nenhuma questão. De maneira democrática vamos ouvir cada um e dar a transparência necessária", afirmou. "Falei com o Ministério Público para que participe do debate. Teremos até o ano que vem cinco oportunidades para a discussão técnica da lei”, disse Wirbiski na abertura da quinta audiência pública sobre a Lei de Zoneamento, nesta terça-feira (3/10), no Salão de Atos Parque Barigui.  

Para o presidente do Ippuc, Reginaldo Reinert, a revisão da Lei de Zoneamento representa o aprimoramento da cidade. “A revisão da lei nada mais é que adequar a cidade à realidade de cada tempo. Não é inventar uma nova cidade, não é negar as evoluções, mas aprimorar cada vez mais.” A função maior do Zoneamento, segundo Reinert, é manter a qualidade de vida dos habitantes.

Na audiência pública que fechou a primeira etapa de debates organizados pela Prefeitura estiveram presentes 140 pessoas. As contribuições para a legislação podem ser feitas pela internet, até dia 8 de outubro, pelo endereço www.curitiba.pr.gov.br/leidezoneamento .

Também participaram da audiência a administradora da Regional Matriz, Guacira Civolani, e os vereadores Thiago Ferro, Zezinho Sabará, Goura, Professora Josete e Luiz Felipe Braga Côrtes.

 

 

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484