Registrar
Acesso à informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Comida de verdade

Curitiba prepara o 2º Plano Municipal de Segurança Alimentar

10/10/2018 14:00:00

Curitiba prepara o 2º Plano Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, que valerá para o período de 2019 a 2022. Nesta quarta-feira (10/10), secretários e representantes do novo Comitê de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan) da capital, que participará da elaboração do novo plano, tiveram a primeira reunião e debateram ações que já estão sendo realizadas pela Prefeitura para valorizar a alimentação saudável e o consumo consciente. O Caisan será oficializado no dia 18 de outubro pelo prefeito Rafael Greca.

No encontro, que teve apresentação do secretário municipal de Agricultura e Abastecimento (Smab), Luiz Gusi, estavam os secretários municipais da Saúde, Márcia Huçulak; da Educação, Maria Sílvia Bacila; e do Governo, Luiz Fernando Jamur. A superintendência executiva da SMS, Beatriz Battistella Nadas; e o superintendente da Smab, Edson Rivelino Pereira, também participaram a reunião, bem como membros da equipe técnica da Smab e da Secretaria do Meio Ambiente.

Segundo o secretário Gusi, o novo plano de segurança alimentar e nutricional da capital será composto por ações, indicadores e metas dos vários órgãos da Prefeitura que realizam ações ligadas ao tema. “Nosso grande desafio será sensibilizar toda a população, através de uma atuação conjunta, sobre a importância de se rever hábitos alimentares, evitando o consumo de alimentos industrializados e priorizando produtos saudáveis, como frutas e hortaliças”, salienta ele.

Gusi também apresentou alguns programas da Prefeitura voltados à segurança alimentar e nutricional, como os Armazéns da Família, que beneficiam 250 mil famílias da capital; as 25 hortas urbanas com apoio do município e as ações de valorização dos 34 mil agricultores da região através do Programa de Desenvolvimento Produtivo Integrado da Região Metropolitana de Curitiba (Pró-Metrópole). “Além disso, o prefeito Rafael Greca acaba de sancionar a nova lei que regulamenta o uso de espaços públicos e privados da cidade para a agricultura urbana”, acrescentou o secretário.

Como a agricultura urbana e o consumo de alimentos saudáveis são prioridades do município, o secretário Gusi convidou o chef Reinhard Pfeiffer, professor de Gastronomia Responsável do Centro Europeu, para preparar pratos com ingredientes cultivados nas hortas apoiadas pelo município e com itens disponíveis nos Armazéns da Família da Prefeitura. Todas as criações foram servidas aos participantes do encontro.

Da Horta Comunitária do Jacu, no Bom Retiro, vieram a cenoura, o brócolis, a couve-flor e o alho porró usados na quiche de legumes da estação. O suco saboreado pelos participantes foi preparado com ora-pro-nóbis, uma planta alimentícia não convencional (panc), muitas vezes descartada como mato. O chef também preparou mini cookies de fubá com erva-mate e um brownie de feijão com geléia de casca de maracujá.  

Campanha

Gusi antecipou ainda que, além da oficialização do Caisan, no dia 18 de outubro, o prefeito Rafael Greca lançará uma grande campanha de conscientização da importância da alimentação saudável. “Vamos mostrar que os produtos enlatados, sucos em caixinha, refrigerantes e biscoitos,  por exemplo, devem ser substituídos por frutas, oleaginosas, leguminosas e hortaliças”, revelou ele.

A criação do Caisan e o lançamento da campanha fazem parte da programação especial em comemoração ao Dia Mundial da Alimentação (16/10).

 

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484