Registrar
Prefeitura Municipal de Curitiba

Irmandade

Curitiba fará parte das celebrações do centenário de Nelson Mandela

26/06/2018 14:44:00

Curitiba fará parte das celebrações do centenário de nascimento do líder sul-africano Nelson Mandela (1918-2013). O convite para que a cidade integre a homenagem ao ex-presidente, Nobel da Paz pelos esforços contra a política do Apartheid, foi feito ao prefeito Rafael Greca, nesta terça-feira (26/6), pelo embaixador da África do Sul, Joseph Mashinbye, e a mulher, Nolukhanyo Mashinbye. Os eventos serão em julho.

“Mandela não foi apenas sul-africano, mas um filho do mundo”, afirmou o embaixador na reunião no Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc). Segundo Mashinbye, o objetivo das homenagens é fazer com que o exemplo deixado por Mandela em defesa do próximo seja ampliado globalmente, para que episódios ocorridos no tempo do Apartheid não se repitam. “Há menos de três décadas meu próprio país me definiu como sub-raça. Nelson Mandela mudou isso”, disse o embaixador.

“Vamos celebrar Nelson Mandela, grande líder na defesa dos direitos humanos, com uma exposição”, disse Greca. No encontro com o embaixador, o prefeito lembrou que ele e a primeira-dama, Margarita Sansone, conheceram Mandela em um evento no Rio de Janeiro organizado pelo então governador fluminense Leonel Brizola. “Tivemos a honra de conhecê-lo e acompanhar uma conferência de Mandela sobre direitos humanos. Foi uma personalidade impressionante”, comentou.

Mais importante líder da África, Nelson Mandela nasceu em 18 de julho de 1918 na cidade de Mvezo e morreu em 5 de dezembro de 2013 em Johanesburgo.

Cidades-irmãs

A celebração do centenário de nascimento de Nelson Mandela deverá marcar o início das ações de reforço dos laços entre Curitiba e a África do Sul. Cidade-irmã de Durban há oito anos (desde junho de 2010), a capital paranaense deverá ampliar a troca de experiências nas áreas social, econômica, científica cultural e de planejamento com a sua parceira sul-africana.

A intenção de transformar o protocolo de irmandade em uma prática efetiva para o compartilhamento de interesses comuns foi manifestada pelo embaixador Mashinbye na reunião com Greca.

“Temos muito apreço pela África do Sul e por Durban, nossa cidade-irmã que também conta com o sistema de transporte BRT, que nasceu em Curitiba”, disse o prefeito.

O embaixador sul-africano disse que o modelo de transporte curitibano está em expansão nas maiores cidades daquele país e que as trocas entre as cidades podem ser ampliadas também para outras áreas. “Queremos ir para além da formalidade, para ações de intercâmbio nas mais diversas áreas, em especial de tecnologia e energias renováveis”.

Greca disse que a Curitiba é parceira neste processo e destacou as ações desenvolvidas no Vale do Pinhão e também por diversas empresas de ponta situadas em Curitiba. “Temos a cultura da inovação e experiências de êxito que poderão ser compartilhadas com nossa cidade-irmã.”

Acompanharam o embaixador da África do Sul, a secretária social Mauricéia de Oliveira e a conselheira política Rina-Louise Pretorius. O encontro contou também com a participação do presidente do Ippuc, Luiz Fernando Jamur, do assessor de Relações Internacionais, Rodolpho Zannin Feijó, e da supervisora de Informações do Ippuc, Liana Vallicelli.

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484