Registrar
Acesso à informação
Prefeitura Municipal de Curitiba

Esporte e lazer

Brinquedos inclusivos são apresentados durante os Jogos do Piá

11/08/2018 14:54:00

Gangorra, balanço, tirolesa e skate adaptado. A partir de agora, as atividades de esporte e lazer preparadas pela Prefeitura de Curitiba terão um kit que reúne quatro brinquedos desenvolvidos especialmente e de forma segura para crianças e jovens com deficiência. O primeiro kit de brinquedos inclusivos foi atração nos Jogos do Piá deste sábado (11/8), no Parque do Semeador, no Sítio Cercado.

O prefeito Rafael Greca fez questão de participar do evento. “Os Jogos do Piá deste sábado, véspera do Dia dos Pais, têm uma grande alegria. Nós estamos estreando os brinquedos para crianças com necessidades especiais”, disse Greca.

Ele conversou com moradores e com mães que levaram os filhos para experimentar os brinquedos inclusivos. “Foi uma ideia da Shirley Ordônio, que tem uma filha especial e outra que queria brincar com a irmã gêmea. Está sendo viabilizada por uma empresa curitibana que fabricou os brinquedos. Além dos brinquedos especiais, aqui no Parque do Semeador tem pipa, peão, betes e tudo o que uma criança curitibana gosta”, informou o prefeito.

Esses brinquedos serão colocados nas dez regionais da cidade. "Ao acrescentarmos às crianças com necessidades especiais a possibilidade da mobilidade, nós avançamos na inclusão e multiplicamos a alegria”, completou.

Com o prefeito estavam os secretários do Esporte, Lazer e Juventude, Emílio Trautwein, e da Educação, Maria Sílvia Bacila, além do administrador regional do Bairro Novo, Fernando Bonfim, vereadores e servidores da Prefeitura de várias áreas que estão envolvidos com esta nova etapa de inclusão.

Dia histórico

Shirley Ordônio é idealizadora do movimento nacional LIA – Lazer, Inclusão e Acessibilidade, criado há seis anos em Curitiba. “Nós, que temos filhos com deficiência, buscamos a inclusão no lazer para as nossas crianças”, resumiu. “Hoje é um dia histórico”, disse ela, que integra a equipe da In Move, braço da empresa curitibana Anjuss, que desenvolveu e fabricou os atrativos. “Todos os brinquedos são desmontáveis, seguros, fáceis de guardar e de transportar, podendo ser usados em qualquer ambiente”, destacou a diretora da In Move, Sarah Boiko, que apontou ainda a redução com riscos de vandalismo.

Mães que têm filhos com deficiência confirmam a importância dos brinquedos inclusivos. “Estou muito feliz. Hoje, se não tivesse essa atividade, a gente estaria em casa. Quem tem filhos especiais não tinha um lugar apropriado para o lazer. O Gabriel, meu filho de 22 anos, gostou demais. Ele nem quer sair dos brinquedos”, disse Vera Lúcia da Costa e Silva.

Sônia Maria de Paula, mãe de Daiana de Paula, de 33 anos, mora no Bairro Novo A e se emocionou ao ver a alegria da filha brincando na gangorra e no balanço inclusivos. “Tudo o que tiver assim é bom para as famílias que têm filhos com deficiência”, contou. Daiana teve paralisia no terceiro dia de vida.  

Matheus Henrique de Souza, de 11 anos, tem uma deficiência motora. Ele testou e aprovou o skate e a tirolesa. “São bem legais e seguros. A gente não corre risco de cair e se machucar”, disse o menino.

Todo mundo brinca

Cada regional de Curitiba terá um conjunto de brinquedos inclusivos para atividades nas Ruas da Cidadania e região. Outro kit será para eventos como as atividades de lazer da Rua XV de Novembro e as edições dos Jogos do Piá. “Hoje todo mundo tem a chance de brincar em Curitiba”, declarou o secretário do Esporte, Lazer e Juventude.

Esta edição dos Jogos do Piá levou muitas famílias até o Parque do Semeador. O auxiliar de produção Gil Fernando Ferreira Gomes é pai do  Kallayn Murilo Gomes, de 3 anos. Os dois fizeram pintura com tinta. “Hoje é dia dele ficar comigo. Passei aqui e vi o movimento, resolvi parar. Agora ele não quer mais ir embora”, contou o pai, morador do Bairro Novo C.

O costureiro Adriano Aparecido da Silva, pai de Beatriz Vitória, de 5 anos, levou os sobrinhos Nicole, de 10, Gustavo, de 7, e Pietro, de 4 anos. “Sempre que tem esse tipo de atividade, eu trago. É bom para brincar e socializar com outras crianças”, opinou.

Izabela Barros, mãe de Davi, de 3 anos, também aprovou a programação. “Sempre gostei desse tipo de atividade. É um momento maravilhoso para as crianças, é bom para as famílias”, avaliou ela, que mora no Bairro Novo há sete anos.

Pipa e muito mais

Os Jogos do Piá do Bairro Novo tiveram oficina e revoada de pipas, junto com exposição de brinquedos tradicionais como betes, bolinha de gude e carrinho de rolimã. Na exposição, os visitantes recebem informações de como soltar pipas em locais adequados, longe da rede elétrica e de vias públicas. Também são alertados sobre o uso do cerol, proibido por lei.

A equipe do Comunidade Escola levou o projeto Leitura em Movimento, que estimula a doação e a retirada de livros de forma gratuita; o camarim de pintura, um sucesso entre as crianças; e no artesanato, a atividade oferecida foi a confecção de marcadores de página. Também havia brinquedos de montar, tênis de mesa, jogo da velha e outras atividades ao ar livre. Toda a programação é gratuita.

Os Jogos do Piá foram idealizados pelo prefeito Rafael Greca com o objetivo de resgatar brincadeiras tradicionais e estimular a ocupação dos espaços públicos com práticas saudáveis. Os jogos foram lançados em junho e vão até outubro.

Endereço
Av. Cândido de Abreu, 817 - Centro Cívico
CEP: 80.530-908 • Fone: (41) 3350-8484